A primeira "casa": Palhavã

A primeira Feira Popular de Lisboa abriu no dia 10 de Junho de 1943. Foi instalada em Palhavã, onde se encontra hoje a Fundação Calouste Gulbenkian e 45 anos antes tinha sido aberto o Jardim Zoológico de Lisboa. O local era designado por Parque José Maria Eugénio. 

Uma ideia de João Pereira Rosa, director do jornal “O Século”, com o objectivo de recolher fundos para a colónia balnear daquele jornal.

A Feira foi inaugurada pelo Presidente da República, General Óscar Carmona, e pelo ministro das Obras Públicas, Duarte Pacheco. 

“Luna Parque” era o nome da feira, que mobilizou dezenas de milhares de pessoas (algumas fontes referem 90 mil) para a inauguração.

Contava com vários pavilhões de exposição, um deles da Câmara Municipal de Lisboa.

Com características e objectivos diferentes, antes tinham já existido outras feiras em Lisboa. Feira Franca, Feira do Lumiar, Feira do Campo Grande, Feira de Santos e Feira de Alcântara são alguns exemplos.